Como elevar à EXCELÊNCIA o atendimento ao cliente?

Desde já, ao iniciar a leitura deste artigo te convido a pensar nos melhores atendimentos pelos quais já passou… Isso é um afago na alma, não é verdade? Afinal, quem não deseja ser bem recebido, além, é claro, de ter suas necessidades atendidas? Saiba que com o nosso cliente não é diferente! Mas, e então? Quer saber como elevar à EXCELÊNCIA o seu atendimento ao cliente? Fique aqui com a gente!

Atendimento de excelência

Pois bem, vou te contar o segredo: atendimento da demanda, somado ao modo de se fazer isso. Assim, já adianto que uma dessas maneiras tem a ver com a sensibilidade e capacidade do atendente em casar esses dois pontos.

E é bem sobre isso que vamos tratar aqui! Com este artigo damos início a um conjunto de textos com preciosas dicas que elevarão o nível do atendimento a seus clientes!

Você verá que é possível chegar à excelência! Então, topa seguir com a gente? Para começar, fique atento às primeiras dicas que selecionamos para você. Elas são fundamentais para o sucesso no atendimento ao cliente, além de estarem super ligadas entre si e às próximas!

Faça uma boa leitura!

Empatia: Arma eficaz nos melhores atendimentos!

Como sabemos, ser empático com alguém é bem mais que ser, meramente, simpático. Simpatia tem a ver com afinidades, cordialidade, gentilezas etc. já a empatia… essa é diferente, ela vai além! Mas, como assim? Talvez você pergunte.

Segundo o Dicionário Michaelis, a palavra empatia refere-se a: 1 – Habilidade de imaginar-se no lugar de outra pessoa. 2 – Compreensão dos sentimentos, desejos, ideias e ações de outrem. Ou seja, trata, da capacidade de nos envolvermos com a demanda do outro; de nos importarmos com ele (a). Difícil isso, às vezes, não é?

Ainda mais porque, atualmente, no ramo imobiliário, muito se discute acerca da importância de se atender “a dor do cliente”. E, sem sombra de dúvidas, isso é importante! Mas, a dor dele jamais será atendida, se antes não for conhecida e, de certa forma, sentida por nós!

Para tornar isso um pouco mais claro, te sugiro o seguinte: imagine-se no lugar do outro e busque compreender suas motivações e sentimentos! Isso é fundamental! Porém, como veremos, alguns entraves podem surgir ao longo desse caminho. Diante deles, o que fazer então?

Ocupe-se com a demanda do cliente!

Não é de se estranhar que quando alguém nos chega com uma demanda, seja de ordem pessoal, material ou técnica, muitas vezes, não damos conta de atendê-la. Você já se perguntou a razão disso? Não? Vejamos…

Os motivos podem ser diversos, mas creio que um deles encontra-se, diretamente, relacionado a uma preocupação primária conosco. Explico-me…

Em âmbito profissional, por vezes, nos preocupamos tanto com metas a vencer, em dar respostas acertadas tecnicamente, o que é extremamente relevante, porém algo nos escapa… Afinal de contas, como compreender a dor do outro, se não busco olhar para o que ele me traz? E isso, a partir de sua perspectiva.

Talvez você esteja aí pensando: Nossa! Como faço para agir assim? É possível aprender?

Continue conosco nos próximos artigos e verá que com atitudes simples, isso será bem mais fácil que imagina! E, além disso, será ainda, melhor: Você conseguirá elevar à EXCELÊNCIA o atendimento ao cliente!

Forte abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.