Como se tornar um corretor de imóveis bem-sucedido?

O que fazer para se tornar um corretor de imóveis? Essa é sua dúvida? Aqui, você vai ver como entrar para essa profissão e decolar sua carreira.

Sabemos que esse segmento de mercado profissional é bem atrativo, pois o corretor, geralmente, ganha boas comissões com a venda dos imóveis.

O corretor é um profissional que aproxima o comprador do vendedor de um imóvel, por exemplo. Acompanhe a leitura e aprenda mais sobre os requisitos e veja algumas dicas para se dar bem nessa profissão.

O corretor de imóveis é um profissional que aproxima o comprador do vendedor de um imóvel
O corretor é um profissional que aproxima o comprador do vendedor de um imóvel

Entenda o contexto da atividade de corretor de imóveis

Para se tornar um corretor de imóveis, não é difícil, embora é necessário passar por um curso que o habilite a exercer de forma legal essa profissão.

Dentre os requisitos, é necessário fazer um curso, um estágio na área imobiliária e ter seu registro no CRECI, Conselho Regional de Corretores de Imóveis.

O curso superior na área não é obrigatório, embora pode ser um diferencial no seu currículo.

O corretor de imóveis pode ingressar numa carreira bem-sucedida e ter bons ganhos mensais, além da possibilidade de aumentar seu networking e ter mais notoriedade na carreira.

O corretor pode ser um profissional autônomo e até emitir notas fiscais, basta fazer um cadastro junto à prefeitura de sua cidade.

Acompanhe para ver sobre os requisitos.

Requisitos e formação do corretor de imóveis

É necessário cumprir alguns requisitos para se tornar um corretor de imóveis. Dentre eles:

  • Ser maior de idade;
  • Ter terminado o ensino médio;
  • Cursar e concluir o curso técnico de transações imobiliárias;
  • Realizar um estágio, o qual deve ser assinado por um corretor credenciado.

Esse curso pode ser feito em entidades como o SENAC EAD.

Afinal, o que é o curso técnico de transações imobiliárias? É um curso pensado para os corretores de imóveis. Sua duração varia de entidade, mas pode chegar até a um ano e meio para ser terminado.

Há ainda o curso de tecnólogo em transações imobiliárias, com duração de 2 anos, uma alternativa para você ingressar no mercado imobiliário.

No conteúdo desse curso, você vai ver desde noções de arquitetura, matemática básica, até os aspectos jurídicos envolvidos nas transações imobiliárias.

No curso de corretor de imóveis você vai adquirir noções importantes de arquitetura, matemática e várias outras áreas importantes
No curso você vai adquirir noções importantes de arquitetura, matemática e várias outras áreas importantes

Faça um estágio

O ideal e necessário, além do curso, é fazer um estágio, pois você fica mais experiente e capacitado para exercer essa profissão de corretor de imóveis.

Você pode conseguir um estágio numa imobiliária, numa entidade especializada em vendas de loteamentos, etc.

No estágio, você vai ter contato com clientes, outros profissionais e vai ver em qual área se identifica e tem mais habilidades.

Inscrição de estagiário no CRECI

Você precisa estar cadastrado no CRECI, entidade que regulamenta e apoia os profissionais da área.

Então, procure a entidade do CRECI mais perto de você e faça sua inscrição de estagiário. Em seguida, é necessário pagar as taxas que são cobradas.

O passo seguinte é pedir sua inscrição de profissional habilitado. Para isso, a entidade de sua região vai solicitar os documentos necessário e cobrar algumas taxas.

Logo, depois de cumprir com as exigências do CRECI, você já pode ter sua carteira profissional e terá se tornado um corretor de imóveis.

Enfim, você poderá legalmente intermediar as transações imobiliárias e exercer essa profissão, se estiver regulamentado.

Assim, com certeza, mais oportunidades surgirão para você!

Dicas para ser um corretor de imóveis bem-sucedido

Para se tornar um corretor de imóveis com boa performance na carreira, é necessário se preparar ou se planejar para isso

Por isso, veja nossas dicas se você quer ser um corretor:

Busque parcerias

Os corretores de imóveis são profissionais autônomos, que podem exercer a profissão de forma independente, bem como podem ter parcerias interessantes com imobiliárias, arquitetos, engenheiros etc.

Você que será novo no ramo, se for o caso, o ideal é procurar uma parceria numa imobiliária. Quase sempre não vai ter vínculo empregatício, mas será uma oportunidade de aprender sobre a profissão.

Basicamente, se você conseguir, será um importante fator na sua carreira de corretor de imóveis, pois você fica mais experiente e aprende sobre a profissão na prática.

Aprenda a vender

Depois que você viu como se tornar um corretor de imóveis, saiba que é necessário aprender a vender. Por incrível que pareça, ainda há pessoas que querem ser corretores, mas dizem:

Ah, mas não gosto de vender”. Então, não tem como exercer e ter sucesso na profissão.

Isso porque é necessário saber abordar o cliente, entendendo que cada um tem um estilo e uma necessidade diferente. Então, é necessário fazer uma abordagem correta, quebrar objeções e utilizar de boas técnicas de vendas para ser ainda mais convincente na argumentação.

É necessário ainda que o corretor respeite o timing do cliente e esteja atento sobre como proceder numa jornada de aquisição de imóveis, o que vai desde às pesquisas iniciais que o possível cliente faz, até a sua decisão final.

Estude

Não pense que ter a carteira do CRECI, já está de bom tamanho.  Um corretor de imóveis bem-sucedido estuda sempre, pois é necessário:

  1. Compreender o mercado, bem como das mudanças e tendências;
  2. Saber técnicas de comunicação assertivas e persuasivas;
  3. Dominar as novas tecnologias de comunicação;
  4. Participar de cursos, congressos e eventos para ficar por dentro das novidades da área e suas tendências;
  5. Ter empatia com o possível cliente, envolvendo-o num processo de vendas que agregue valor para ele.
Ter uma boa relação com o cliente é essencial para que ele se sinta seguro com a compra
Ter uma boa relação com o cliente é essencial para que ele se sinta seguro com a compra

Esta última dica é essencial, pois se o cliente gostar de sua abordagem e da forma como você conduz o processo da jornada de vendas, você será indicado para mais clientes.

Então, para se tornar um corretor de imóveis é simples, mas você terá que se dedicar para ter sucesso na sua carreira, esta que é bem atrativa atualmente. 

Enfim, vale a pena todo esse processo!

Para finalizar, você conferiu como se tornar um corretor de imóveis. Viu que o processo não é difícil quanto parece?

Basicamente, tudo depende de sua vontade de se dar bem nessa profissão e ser um destaque na sua área de atuação. Lembre-se ainda de fazer um bom networking para conseguir mais contatos.

E que tal compartilhar esse post com um amigo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.